A reforma é um momento importante na vida de qualquer pessoa, representa a transição para uma nova fase de descanso após anos de trabalho. Se estás a planear reformar-te em 2024 ou nos próximos anos, este artigo vai esclarecer todas as tuas dúvidas sobre a idade da reforma, as condições necessárias e como evitar penalizações

Vamos abordar tudo o que precisas saber sobre a reforma em Portugal, especialmente em 2024. Utilizando informações atualizadas e com base nas perguntas mais comuns sobre este tema, preparámos um guia completo e acessível para te ajudar a entender melhor este processo.

Qual é a idade da reforma 2024?

Em 2024, a idade de reforma está estipulada para os 66 anos e quatro meses, conforme a Portaria n.º292/2022 de 9 de Dezembro estabelece. Esta é a idade que já era exigida em 2023. Em 2025, a idade necessária para o pedido será aumentada para 66 anos e sete meses, de acordo com a Portaria n.º 414/2023, de 7 de Dezembro.

Idade da Reforma em Portugal
  • 2023: 66 anos e 4 meses
  • 2024: 66 anos e 4 meses
  • 2025: 66 anos e 7 meses

Como evitar penalizações na reforma

A melhor forma de evitar penalizações é cumprir uma carreira contributiva de, pelo menos, 40 anos. Caso contrário a reforma antecipada pode resultar em penalizações que vão reduzir o valor da tua pensão. Aqui vão algumas dicas sobre como evitar penalizações:

    • Completar 40 anos de contribuições: Isto garante que não sofrerás cortes no valor da tua pensão.
    • Planear com antecedência: Conhecer as regras e as mudanças na legislação pode ajudar-te a fazer escolhas mais informadas.
    • Consultar a Segurança Social: Obter informações atualizadas e específicas para a tua situação pode fazer toda a diferença.

Quando se deve pedir a reforma?

O mais recomendado é que faças o pedido com cerca de seis meses de antecedência em relação à idade da reforma ou à data desejada de início de pensão. Este prazo permite que possas resolver quaisquer burocracias com antecedência e garantir uma pensão a iniciar na data que desejas, sem problemas ou atrasos.

Quantos anos de contribuições são necessários para a reforma?

O requisito mínimo para pedir a reforma é de 15 anos de contribuições registadas na Segurança Social. No entanto, para evitar penalizações, como mencionado anteriormente, o ideal para uma pensão completa é uma carreira contributiva de 40 anos!

Anos Necessários para a Reforma
  • Mínimo: 15 anos de contribuições
  • Carreira Contributiva Completa: 40 anos

Posso pedir a reforma aos 57 anos?

Sim, podes pedir a reforma antecipada aos 57 anos de idade, mas estás sujeito a penalizações, a menos que se trate de uma situação especial, como desgaste fisico prematuro reconhecido pela Segurança Social. Estas são algumas das condições para fazeres um pedido antecipado da tua pensão:

    • Desgaste físico prematuro: Reconhecido oficialmente pela Segurança Social.
    • Carreiras especiais: Algumas profissões, como pescadores e bombeiros, têm regimes específicos que permitem um pedido antecipado sem penalizações tão severas.
reforma em portugal 2024 belt seguros

Cálculo da pensão de reforma

O cálculo da tua pensão de reforma leva em conta todos os anos de contribuições efetuadas à Segurança Social, a média dos melhores 10 anos de remunerações dos últimos 15 anos é usada nesse cálculo. Aqui estão alguns dos principais pontos de cálculo:

    • Anos de Contribuições: Todos os anos de contribuições contam.
    • Média de Remunerações: Utiliza-se a média dos melhores 10 anos de remunerações dos últimos 15 anos.
    • Regras Especiais: Algumas profissões têm regras específicas para o cálculo da pensão.

Seguro de Vida

O Seguro de Vida é um dos seguros mais subestimados pelos portugueses, trata-se de uma proteção financeira que funciona como um escudo sob situações inconvenientes que podem surgir a qualquer momento. Este seguro é uma garantia que se alguma situação grave tiver lugar na tua vida, não só estarás salvaguardado mas também os que te são mais próximos

Na BELT Seguros trabalhamos diariamente para trazer os melhores resultados aos nossos clientes, e disponibilizar os melhores seguros do mercado para que possas disfrutar a tua vida tranquilamente e sem preocupações. O nosso simulador é 100% digital, isto significa que podes simular agora, qualquer um dos seguros que disponibilizamos e avaliar as nossas opções! Simula em cerca de 1 minuto e descobre as vantagens de contratar um seguro de vida aqui!

Como se contam os anos de desconto para a Segurança Social?

Os anos de desconto são contados com base nos períodos em que fizeste contribuições para a Segurança Social. Cada ano de trabalho em que pagaste as tuas contribuições é contabilizado. Podes consultar o teu registo contributivo no portal da Segurança Social para verificar quantos anos tens acumulados e se estás próximo de atingir os 40 anos necessários para evitar penalizações.

Qual o corte na reforma antecipada?

Se optares pela reforma antecipada, poderás enfrentar cortes significativos na tua pensão. O valor da penalização depende do número de anos que faltam para atingires a idade legal da reforma. Geralmente, a penalização é de 0,5% por cada mês de antecipação. Por exemplo, se te reformares dois anos antes, terás uma redução de 12%. Para obteres uma estimativa precisa, podes usar os simuladores disponíveis no site da Segurança Social ou consultar diretamente um balcão de atendimento.

Como posso saber quantos anos tenho de desconto?

Para saberes quantos anos de desconto tens acumulados, podes consultar o teu extrato contributivo no portal da Segurança Social. Este documento detalha todas as contribuições feitas ao longo da tua carreira, permitindo-te verificar se atingiste os 40 anos necessários para evitar penalizações ou se precisas de contribuir por mais tempo.

Trabalhar após a reforma: direitos e deveres

Se decidires continuar a trabalhar após a reforma, é importante conheceres os teus direitos e deveres. Os pensionistas podem acumular a pensão de velhice com rendimentos do trabalho, mas existem limites e condições que devem ser respeitados. Por exemplo, se trabalhares no setor público, podes enfrentar restrições adicionais. Além disso, continuar a trabalhar pode afetar o valor da tua pensão, especialmente se os rendimentos do trabalho forem significativos​.

Reforma no Estrangeiro

Se estás a pensar em passar a tua reforma noutro país da União Europeia, é importante saber que podes continuar a receber a tua pensão no estrangeiro sem grandes complicações. No entanto, existem algumas considerações importantes a ter em conta para garantir que a transição seja tranquila.

Quando decides reformar-te no estrangeiro, tens o direito de receber a tua pensão acumulada em diferentes países da UE. A primeira coisa a fazer é informar-te sobre os procedimentos necessários, pelo menos seis meses antes da data pretendida para a reforma. Este período é necessário para que todos os países onde trabalhaste possam concluir as formalidades necessárias.

A idade legal de reforma pode variar entre os diferentes países da UE, o que pode afetar a data a partir da qual podes começar a receber a tua pensão. Além disso, se tiveres direito a pensões de vários países, iniciar a recepção da pensão mais cedo num país pode influenciar os montantes recebidos noutro.

PARTILHAR
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Pinterest
Email

Super Bock Super Rock, Todas as Informações Sobre o Festival

Ilha da Madeira: o que visitar e a levada na Madeira

Sardenha, O Destino das Tuas Próximas Férias

BELT E OS COOKIES

No website da BELT Seguros utilizamos cookies para melhorar a tua experiência connosco! Continuando a navegar, consideramos que aceitas a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies.